Pesquisar este blog

Follow by Email

LINK...

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

OS ORIXÁS....

EXÚ - (vestimenta de gala - brasil)

EXÚ - (vestimenta de gala - brasil)
Primeiro Orixá no Candmblé. Senhor das encruzilhadas. Fertilizador do homem, vem a terra como mensageiros dos orixás.

OGUN (imagem do Ilê Ifé - Nigéria)

OGUN (imagem do Ilê Ifé - Nigéria)
Divindade masculina dos yorubás. Representa a guerra, a siderurgia e todos aqueles que trabalham em extração de minério de ferro.

OXOSSE (o caçador)

OXOSSE (o caçador)
Oxossi é o protetor das caças e dos animais, seus filhos são geralmente esguios, ágeis e sorateiros. Seus elementos é o Arco e Flexa, simbolisado o "Ofá".

OSSÃE (orixá das folhas)

OSSÃE (orixá das folhas)
Diz-se dentros do cultos afro, que nada se pode fazer sem as folhas de Ossãe,o ato de colheita das folhas depende de um grade ritual, até para entrar nas matas! que é o seu domínio.

OMULÚ e/ou OBALUAIÊ (senhor das Bexigas)

OBALUAIÊ (senhor das Bexigas)
Obaluaiê, Omolú, Chaponã etc. São nomes dados ao Senhor dos Cemitérios

OXUM (a deusa dos rios)

OXUM (a deusa dos rios)
Oxum é a mãe da água doce. Orixá feminino que atua sobre o baixo ventre do corpo humano. É também a senhora do ouro, da meiguice. Suas qualidades são comparadas aos rios calmos e encachoeirados.

IEMANJÁ (a deusa do mar)

IEMANJÁ (a deusa do mar)
Iemanjá: é igual a Iyê - mon - ejá (a mãe cujo os filhos são peixes). No Brasil ela é cultuada em duas datas específicas; no dia 31 de dezembro se comemora em conjunto com o povo umbandista, no dia 2 de fevereiro com várias nações de candomblé.

OXALÁ (sua forma jovem-Oxaguiã)

OXALÁ (sua forma jovem-Oxaguiã)
Oxaguiã na Nigéria, é o protetor das colheitas de inhame, alimento muito cultivado em Ilê Ifé, capital da Nigeria

LOGUN-EDÉ (o principe encantado)

LOGUN-EDÉ (o principe encantado)
Diz-se que existe duas qualidades de Logun, Logun-odé(o filho de oxun e oxosse) logun-edé, o ogun que entrou aclamado na cidade de edé. histórias contadoas por Pierre Fatumbi Vergê - livro: "Orixás"

XANGÔ (o orixá da justiça)

XANGÔ (o orixá da justiça)
Seus elementos principais são as pedras de raios, usa um machado de dois cortes para defender a justiça onde ela é ferida. Na sua cidade foi rei, de muitas aventuras amorosa!

OBÁ ( Orixá guerreira)

OBÁ ( Orixá guerreira)
Segundo a lenda, Obá perdeu uma das orelhas por amor a Xangô. Foi ludibriada pela artimanhas da Oxum. No panteão africano, divide as guerras dos raios com Oyá.

INHANSÃ (a deusa dos raios)

INHANSÃ (a deusa dos raios)
Nas grandes tempestades, é o orixá que iremos pedir o abrandamento dos ventos e das tempestades. Foi a amante mais cobiçada de Xangô, pela qual lutou até a morte!!!

OXUMARÊ (a dualidade de vida)

OXUMARÊ (a dualidade de vida)
É um orixá masculino, ele representa o "Arco Iris". Os filhos deste orixá são persistentes, não medindo esforços para atingirem seus objetivos. No ciclo "Vida e Morte", ele também está presente. O seu simbolo mais forte é o da cobra mordendo a própria cauda.

NANÃ (a divindade ligada a morte)

NANÃ (a divindade ligada a morte)
Diz-se a história da África, contada por Pierre Fatumbi Vergê, que Nanã é um orixá que só incopora em épocas festivas em cabeça de mulheres, não tomando o homem como seus filhos.

EWÁ (divide os rios com oxun)

EWÁ (divide os rios com oxun)
Segundo alguns zeladores de orixás, este é o orixá da loucura. Seus filhos são tempestivos e ao mesmo tempo, dócil, muito pouco cultuado Brasil.

IROKO (a gameleira branca)

IROKO (a gameleira branca)
Esta árvore que representa o orixá Iroko só é cultuada em nações ala-ketú. Êste orixá não toma a cabeça do ser humano, ele é simplesmente plantado e acentado dentro ou nos arredores do candomblé.

TEMPO (determinante na angola)

TEMPO (determinante na angola)
Existem várias nações que cultua este orixá, principalmente a nação de angola, onde ele é preparado e acentado do lado de fora da casa de cultos

IBEJI (a dualidade gêmeas)

IBEJI (a dualidade gêmeas)
Muitas nações de candomblé, preparam estes dois orixás em duas cabeças gêmeas. O primeiro a ser feto em duplicidade foi em São Luiz do Maranhão em 1947, na casa de Biron de oxosse.

OXALÁ ( Oxalufan, o Oxalá velho)

OXALÁ ( Oxalufan, o Oxalá velho)
Êste orixá é muito considerado em todas as facções do candomblé. Respeitado e adorado por qualquer membro de casas de cultos de origem africana, não importando orixá da cabeça de cada um.