Pesquisar este blog

Follow by Email

LINK...

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

OÁSIS...






Oásis
Perdida vaguei por desertos sem fim, teu nome gritei, só miragens encontrei, centenas de vezes caí, me levantei. Não te encontrei, o vento impetuoso, e o sol escaldante unidos maltrataram minha pele, consumiam, minha beleza e meu frescor, restava a sede, angustia, e dor. Oásis não encontrei... Desfalecendo, as forças me faltam... Se não vieres logo, tarde será. Nada mais haverá de ser feito! Minh´alma errante ficará vagando Por desertos sem fim! -Hellina Moscow-


Comunidade Musa do Oriente