Pesquisar este blog

Follow by Email

LINK...

sábado, 20 de abril de 2013

MENTIRAS, POESIA:


Mentiras


                                                         Nobre o caminho dos teus rastros 
Que levaram nos teus pés os
os meus encantos
 
Sigo chão de aldrabice...
que a luz branda seja guia
noite e dia não dê trégua
Assim não morrerei
Sem teus abraços em teus braços
Que me guardam em
noite fria!
 
Aut.Manuella Loureiro - het. MR  Porto