Pesquisar este blog

Follow by Email

LINK...

segunda-feira, 24 de junho de 2013

SÃO JOÃO BATISTA, 24 DE JUNHO, BIOGRAFIA, IMAGENS, CURIOSIDADES:











biografia de S. João Batista

S. João Baptista, tem a sua festa em 24 de Junho.
João Baptista foi um judeu que nasceu meio ano antes de Jesus Cristo.
Devia ter nascido numa pequena cidade perto de Jerusalém, que não conhecemos ao certo.
Seus pais, Isabel e Zacarias, já eram de idade avançada quando ele nasceu.
Isabel devia ser doméstica, dedicando-se a algum trabalho no seu quintal, enquanto Zacarias era sacerdote a tempo parcia1, ajudando no resto do tempo sua mulher nas tarefas do campo.
Nas palavras de Jesus, João foi "o maior dos profetas..." e até mais que um profeta!", "foi o maior dos nascidos do homem!".
Com cerca de 27 anos, talvez depois de ter vivido alguns anos na comunidade de monges de Qumran, João foi para o deserto, não longe do rio Jordão.
Pregava aos que dele se aproximavam incitando-os ao arrependimento.
As suas palavras eram veementes, por vezes ameaçadoras, mas as pessoas acreditavam nele por causa da vida austera que levava.
Usava roupa feita de pêlo de camelo e cinto de couro à cintura e comia mel silvestre.
Jesus, que o conhecia bem, disse que ele não se vestia de roupas finas, como os que estão nos palácios, nem tão pouco era uma cana agitada pelo vento como se fosse um homem de seguir modas...
...A certa altura foi preso.
Tivera a coragem de denunciar frontalmente o rei Herodes que não estava a ter comportamento digno.
Tornou-se incómodo.
As pessoas que se sentiram atingidas por esta acusação, conseguiram mandá-lo para a morte.
Cortaram-lhe a cabeça para servir de troça e pândega a embriagados.
Ao contrário das festas dos outros santos, o dia de S. João Baptista comemora o seu nascimento e não a sua morte, como acontece habitualmente.





















João Baptista
São João, ou João Baptista, nasceu em uma pequena aldeia próxima a Jerusalém. De origem judaica foi desde seu nascimento escolhido como narizeu.
O voto nazireado é regulamentado pela Tora (ensinamento central da religião judaica), implicado na abstinência de ingerir alimentos fermentados, cortar os cabelos e nunca tocar em cadáveres.
Após a morte de seus pais, João Baptista doou todos seus bens à irmandade nazarita dando início às pregações que anunciava a vinda do Messias, fato aguardado pelo povo judeu e fonte de esperança para restaurar a ordem de uma nação independente.
Batizava seus seguidores, entre eles Jesus, no Rio Jordão, o que causava polêmica na época, por aceitar, entre aqueles, gentios (termo que designa não-judeus, ou não-israelitas).
Foi acusado de liderança revolucionária pelo Rei Herodes Antipas I.
Por isso, foi preso e executado.

Festa de São João – Curiosidades:
1. É costume acordar as pessoas com fogos de artifício no dia de São João.
2. O santo deve ser lavado em água corrente na véspera da festividade. Acredita-se que traga mais proteção.
3. A fogueira de São João tem o formato redondo.
4. O mastro deve ser a primeira reverência a São João, só assim a festa poderá ter início.
5. É considerado o protetor das mulheres grávidas.
6. São João era primo de Jesus.
7. Sua imagem é sempre representada com um carneiro no colo.

Oração de proteção
Ó, Santo Precursor.
Andava pelas cidades, chamando a todos para que fizessem penitência dos seus pecados.
Batizava nas águas do rio Jordão.
Alimentava- se de mel e gafanhotos.
São João Batista, vós que andaste pelo mundo, anunciando a vinda do Nosso Senhor Jesus Cristo.
Como vós, ando arrependida dos meus pecados.
Ando e andarei na fé de Nosso Senhor Jesus Cristo, sob a vossa proteção! Meus inimigos não me verão.
Não me alcançarão, não me perseguirão.
Estou protegida pelo vosso cajado, estou mergulhada nas águas do Jordão, estou escondida no deserto.
É a voz que clama no deserto.
É a voz que anuncia o reino de Deus.
É a voz que atemoriza, espanta e afasta os meus inimigos. Fazei penitência.
Porque o Reino de Deus está próximo.
Ordenais aos meus inimigos que eles se arrependam dos seus pecados.
São João Batista, protegei-me.
São João Batista, guiai-me.