Pesquisar este blog

Carregando...

Follow by Email

LINK...

sábado, 31 de janeiro de 2015

MEDIUNIDADE: O QUE É IMPORTANTE SABER?


MEDIUNIDADE: o que é  importante saber
 












Olá! Eu sou o Bruno J. Gimenes do Luz da Serra, sou professor, palestrante há 12 anos e nesse tempo eu também escrevi 10 livros, sendo que em todos eles eu fui ajudado pela capacidade mediúnica que eu desenvolvi.

E falando assim, parece que a mediunidade sempre foi uma faculdade muito bem desenvolvida e equilibrada na minha vida, e que tudo fluiu perfeitamente em harmonia. Mas na verdade eu sofri demais com a mediunidade.

Para entender melhor o assunto, o que você precisa compreender basicamente é que a mediunidade é um termo que vem do latim e quer dizer intermediário. Em outras palavras, é a faculdade inerente ao ser humano de captar informações extrafísicas, portanto invisíveis, as quais podem ser feitas de diversas formas.

Este assunto foi profundamente desenvolvido pelas obras de Alan Kardec, as quais eu indico plenamente. Também recomendo as obras de Ramatis, em especial Mediunismo, Mediunidade de Cura e Elucidações do Além da Editora do Conhecimento.

NEM SEMPRE FOI ASSIM...

E eu cheguei as conclusões que tenho sobre a mediunidade porque eu sofri muito...

Perturbações espirituais durante o sono, doenças físicas, males súbitos em ambientes públicos, irritações repentinas e medos constantes são alguns exemplos dos problemas que eu tive com a mediunidade desequilibrada.

O fato é que enquanto eu não aprofundei o estudo sobre o tema e enquanto eu não comecei a colocar esses aprendizados na prática do meu dia a dia, eu não tive sossego.

Eu confesso que já ministrei cursos com aulas e aulas abordando o tema como nos cursos online Escola Astúria de Estudos Iniciáticos e no programa online avançado O Chamado da Luz e parece que todo estudo sobre o assunto nunca é suficiente para esclarecer tudo que o tema envolve.

Então, depois que eu aprendi a equilibrar a mediunidade e comecei a usá-la a meu favor e ao favor da coletividade, e depois de sofrer muito com tudo isso, eu decidi reunir nesse texto um resumo do que realmente importa entender sobre a mediunidade.

O QUE REALMENTE IMPORTA SABER PARA VOCÊ GANHAR TEMPO

Eu decidi fazer esse resumo rápido e objetivo porque acredito com todas as forças do meu coração que se você souber despertar e equilibrar a sua mediunidade a serviço da sua evolução e do bem de mais pessoas, você seguramente contribuirá para um mundo melhor e mais consciente. E eu faço o que faço através dos cursos, palestras, livros, vídeos e artigos como esse, porque sinto que você pode conquistar tudo o que eu conquistei na minha vida com a ajuda da mediunidade, sem ter que demorar tanto e sofrer tanto quanto eu, basta que você foque as ações na direção correta.

Então por isso eu elaborei esses passos para você encurtar o seu caminho.

Mas antes, assista a esse vídeo que eu preparei para falar de outros aspectos importantes.

Tudo de mais importante que você precisa compreender sobre a mediunidade

HAJA O QUE HOUVER, O OBJETIVO DA MEDIUNIDADE NA SUA VIDA É EM PRIMEIRO LUGAR O SEU APRIMORAMENTO MORAL.

Isso quer dizer que a mediunidade é desenvolvida e equilibrada a medida em que você se desenvolve como um ser bondoso, caridoso e equilibrado. Focar no crescimento do seu estado interno de amor, paz, autoestima e equilíbrio fará com que a sua mediunidade desenvolva-se adequadamente.

A MEDIUNIDADE NÃO É UM CASTIGO.

Você só considerará que a mediunidade é um problema na sua vida se não abrir a sua mente para o entendimento de que você precisa viver com base em valores morais e espirituais mais elevados, focados em objetivos de evolução pessoal e coletivo. Em outras palavras, pensar assim manifesta uma espécie de miopia consciencial.

A MEDIUNIDADE QUER QUE VOCÊ DESPERTE.

Não importa se você vai fazer isso por meio de uma religião, um trabalho, um estudo ou uma prática constante. O que importa é desenvolver-se. Definitivamente não considere que a mediunidade só pode ser desenvolvida em uma ou outra religião ou filosofia. Jesus era um super médium, Moisés, Madre Teresa, Helena Blavatsky, Padre Pio, Yogananda e até o Steave Jobs. E nem por isso ficaram presos a uma única visão de desenvolvimento mediúnico. Eles usaram as ferramentas que tinham e por isso você também deve usar.

A MEDIUNIDADE REQUER DISCIPLINA.

O que difere uma pessoa que controla a sua mediunidade e a utiliza para o seu desenvolvimento pessoal e coletivo é a sua prática constante de exercícios, estudos e atividades que lhe promovam o fortalecimento da sua alma.

A MEDIUNIDADE SE MANIFESTA DE FORMA DIFERENTE PARA CADA PESSOA.

Uns percebem, outros enxergam, outros escrevem. Uns usam os “sonhos lúcidos”, outros conversam com espíritos, alguns percebem as possibilidades do futuro e outros canalizam forças de curas espirituais. Mas nada disso terá valor se você não aprender a desenvolver um estado interno de equilíbrio e amor pela vida. E a medida em que você desenvolver-se como pessoa, a sua própria voz interna vai lhe dizer qual é o seu caminho de mediunidade. Siga com paciência o seu caminho de desenvolvimento.

CANALIZAR A SUA EXPRESSÃO INTERNA COM PADRÃO MORAL ELEVADO E FOCO NA EVOLUÇÃO PESSOAL E COLETIVA.

Aconteça o que acontecer, acredite no que você acreditar, a mediunidade pede que você de vazão a sua voz interior. Ela pede que você expresse as intenções do seu espírito para contribuir com um mundo melhor, em que você também se sinta melhor. Nenhuma ação em prol do próximo e da coletividade será justificada se você não aumentar o seu estado interno de amor e alegria a cada dia.

VAI REZAR!!!

A mediunidade pede que a sua conexão com Deus esteja boa. Eu não disse perfeita, apenas boa! Por isso, você precisa ter uma prática diária de oração duas vezes ao dia e meditação ao menos uma vez ao dia. Você encontrará várias opções que práticas nos áudios gratuitos do portal Luz da Serra.

VIVER COM PROPÓSITO!

Você precisa compreender que tem uma missão aqui na Terra e que a sua vida não é apenas viver por viver, pagar as contas, descansar aos finais de semana, trabalhar durante a semana e procurar progredir materialmente. Você existe na Terra por uma missão. Parte dessa missão é genérica e parte é individual, portanto personalizada. A medida em que você realiza a sua missão genérica, a missão pessoal surge diante dos seus olhos.

A missão genérica é:

1) Purificar as suas inferioridades e equilibrar a suas emoções negativas;

2) Harmonizar-se como outras pessoas;

3) Gerar bons exemplos em suas atitudes e conduta.

Se você estiver focando em entender e desenvolver a sua mediunidade, mas estiver deixando escapar os itens que eu citei acima, pode ter certeza que você perderá muito tempo se enroscando em coisas, acontecimentos e situações desnecessárias.

AGORA É COM VOCÊ!

Espero que você tenha uma grande ajuda com esse artigo e que você seja muito feliz.

Por último eu gostaria de pedir um favor! Por gentileza coloque o seu comentário abaixo para eu saber o que você achou sobre este assunto.

Você tem condições de desenvolver a sua mediunidade para ter ajuda, tratamento espiritual e potencializar o seu sexto sentido. Além disso, você tem como acabar definitivamente com os problemas da mediunidade não desenvolvida. Existe um caminho seguro, simples e direto com um método de 3 etapas. Clique aqui e conheça os detalhes dessa técnica surpreendente.

Um grande abraço e muita luz.




Bruno J. Gimenes