Pesquisar este blog

Follow by Email

LINK...

domingo, 23 de setembro de 2012

ANIMAIS FABULOSOS:

ANIMAIS FABULOSOS

A imaginação se amplia cada vez que pensamos em animais míticos. Eles encantam e fascinam à todos. Estão sempre presentes nos contos de Fadas e histórias de Heróis, trazendo uma mensagem de coragem e sentimentos puros. São eles; os cavalos especiais como o Unicórnio e o Pégasus, um pássaro como a Fênix, os Dragões Medievais e os da cultura Chinesa. Enfim é um mundo de sonhos.
A FÊNIX
É uma ave similar a uma águia, dotada de longevidade, cujo o atributo era construir um ninho no fogo e renascer de suas próprias cinzas. Desde de tempos muito antigos tem sido salientada por inúmeros autores, dentre eles: Heródoto, Plínio e outros. Assumindo o papel de força solar, alma humana e ciclo de vida, configurando para os cristãos a ressurreição de Cristo e a vida eterna. Representando as mudanças, a iluminação, as transmutações, a eternidade e o segundo nascimento, é a busca da verdade e do Si Mesmo. O Fogo.
  O DRAGÃO

Animal puramente mítico e seu maior atributo é ser o intermediário entre os mundos, possui força atuante, dentro dos quatro elementos, apesar do seu, ser o elemento Fogo, pois por suas ventas saem as chamas e a boca é fumegante. Nas sagas dos cavaleiros medievais, ele representava uma força a ser ultrapassada, sendo freqüentes na saga do Rei Arthur e dos Cavaleiros da Távola Redonda. Em especial na China é o emblema do poder imperial, representando o domínio, a vitória, a sorte e a superação dos obstáculos. Para os chineses o seu elemento costuma ser a Madeira. Os dragões simbolizam: a energia, a força, as lutas, a coragem , o triunfo e o processo em direção ao Si-Mesmo. A própria Sorte.
  O UNICÓRNIO

Implica em um animal de realce, figurado como um cavalo branco, portador de um chifre no centro da testa. Ele denomina-se pelo gosto que tem por donzelas, por isso também está associado a pureza e a fertilidade espiritual. Seu único chifre simboliza a flecha espiritual, o poder divino, a visão interior e a revelação. Representando o misticismo, a virgindade, a inocência, o intelecto, a sublimação dos instintos e os sentimentos.
  O PÉGASUS

É sem dúvida um dos mais famosos cavalos alados e companheiro de muitos Heróis, participando de várias lendas da mitologia greco-romana. Suas asas são componentes vinculados ao elemento ar e correlacionado com Deuses Celestiais, do vento, mensageiros ou intermediários, tais como Hermes/Zeus/Mercúrio/Júpiter e outros. Representando a ascensão, o auxílio, o veículo, o vôo, a intuição, o insight e a comunicação. Ele é um animal totalmente angelical, talvez por seu vôo ser muito elevado e entre nuvens, dando a impressão que está entrando nas portas do céu e fazendo parte do mundo dos anjos, magnífico e é a própria sensação da liberdade.
Fonte Blog espacoconscienciamistica.blogspot.com.br