Pesquisar este blog

Follow by Email

LINK...

domingo, 23 de junho de 2013

ENTREVISTA COM OS GUARDIÕES DA NOITE DO ORIENTE


Sandra Luna entrevista a Banda Os Guardiões da Noite do Oriente.



Quem são os Guardiões da Noite do Oriente?
Uma banda de musica cigana que faz uma releitura de vários ritmos ciganos, mas com um tempero da musica nacional e com letras em português.

Como começou a banda?
A banda existe há 7 anos, tudo começou através do incentivo da cigana Joanna que nos ajudou, em homenagem o primeiro álbum leva o nome dela.

Qual a proposta?
Algo diferente do que há no mercado hoje. Temos uma proposta musical alegre, dançante e principalmente transmitindo boas mensagens.

Qual o maior diferencial da banda?
A originalidade! Um trabalho mesclando rumbas ciganas, rumbas flamencas, e musica brasileira feitas com alma e muita dedicação.

Quais os próximos projetos?
O lançamento do novo álbum e a estreia de um videoclipe.

Sobre o novo CD: o que virá de diferente do anterior?
Vem com musicas mais variadas, ou seja ritmos mais variados, amadurecemos neste tempo, tanto do lado pessoal como profissional e isso influencia
muito no resultado final.

Qual o maior amadurecimento neste tempo de carreira?
Amadurecimento pela quantidade de shows, pelo contato com o publico, saber entender e respeitar as diferenças e mostrar nosso trabalho com carinho.
Saber se reerguer com os tombos e decepções e os nãos do caminho, sem desistir.

Neste caminho, qual foi a maior alegria ou a maior conquista?
A maior alegria é quando vemos as nossas musicas tocarem o coração de alguém ou as pessoas dançarem e curtirem nosso trabalho. A maior conquista é o reconhecimento deste trabalho, ter conquistado grandes e novas amizades e crescer musicalmente, evoluir sempre é o sinal que temos mais para oferecer e que a estrada ainda será bem longa.

Contato para shows?
Tel:. 98926-3425 / 95342-2852
contato@bandaguardioes.com.br
www.bandaguardioes.com.br

Uma mensagem para os leitores?
Sempre buscar seus objetivos, não desistir sem tentar e lutar por eles, mas sem desrespeitar os outros. Lutar por seu espaço acreditando que é capaz, se der errado tente outra vez, e se por acaso não conseguir nunca terá a frustração de não ter tentado.
Nossa musica é para todos, foi feita para quem precisar, seja na dança ou em qualquer ocasião, pois a musica não é mais nossa e sim de quem a ouve e da vida com os movimentos.
Acredite em si mesmo!


FONTE: www.ciganaluna.com.br